Publicado em: 18/01/2017 - Última modificação: 20/01/2017 - 11:40
comunicacao@itanhaem.sp.gov.br

Central de Monitoramento por Câmeras registrou mais de 9 mil ocorrências em 2016

CIDADE SEGURA - Equipamentos contam com um servidor avançado, um programa mais moderno e um novo sistema de gerenciador de procedimentos de serviços, o GeTran



Central de Monitoramento por Câmeras registrou mais de 9 mil ocorrências em 2016

Compatilhar:

O Centro de Operações e Inteligência (COI), do sistema de monitoramento por câmeras de vídeo, está funcionando a todo vapor. As estatísticas referentes ao ano de 2016 mostram o quanto o serviço é importante para colaborar com a segurança da população de Itanhaém. A Central registrou, no ano passado, 9.110 ocorrências. São 28 câmeras distribuídas em pontos onde existe maior concentração de movimento no Município. A ação faz parte do Programa Cidade Segura, desenvolvido pela Administração Municipal.

Siga a Prefeitura de Itanhaém no Twitter e no Facebook

Foram 4.342 ocorrências registradas no primeiro semestre e 4.768 no segundo semestre de 2016. Os casos são classificados em diversas naturezas como, por exemplo, agressão, violação de domicilio, roubos, furtos e tentativas, invasão de propriedade, vandalismo contra patrimônio, apoio ao Conselho Tutelar, uso ou porte de entorpecentes, incêndio e explosão.

A unidade do COI está instalada no Centro Municipal Tecnológico de Educação, Cultura e Esportes (CMTECE). No local, a equipe integrada pela Guarda Civil Municipal e Agentes de Trânsito está em operação durante 24 horas. Os funcionários do COI e os que atuam nas ruas estão em constante comunicação e ambos são informados quando há algum tipo de problema. Além disso, a central de monitoramento mantém comunicação ágil com a Polícia Militar e Civil, o que torna rápido a comunicação com as viaturas. As duas corporações utilizam as imagens registradas pelo COI para solucionar crimes.

Das câmeras que estão em funcionamento, oito são da tecnologia speed dome, que permite a filmagem de locais amplos, com rotação de até 360º. As outras 20 são modelos fixos, que além de prestarem respaldo às de 360º, também oferecem maior precisão nos registros.

O sistema de monitoramento por câmeras será ampliando. 19 câmeras, que já estão instaladas e em fase de finalização, contemplam as regiões do Belas Artes, Praia do Sonho e Suarão. As três regiões contam com câmeras fixas e da tecnologia speed dome. As câmeras funcionam com um novo servidor e um programa mais moderno, que permitem um tempo maior de gravação e imagens com maior nitidez, sem travar.

GeTran – Central está operando com um novo sistema de gerenciador de procedimentos de serviços. A ferramenta é totalmente integrada e foi desenvolvida por um dos funcionários do COI, o agente de trânsito Marcus Rodrigues de Oliveira Silva, que também é técnico em informática.

O sistema denominado GeTran é usado pela Guarda Municipal, Guarda Patrimonial e Agentes de Trânsito, divido em acessos como administrador, usuário, supervisor operacional e atendimento. O método substituiu os livros impressos onde eram registradas todas as ocorrências pelo registro digital e funciona em tempo real, já que todos os procedimentos que são executados nas ruas são passados para a equipe do COI. A novidade torna o registro muito mais prático e a busca muito mais rápida, além de uma organização.

Os funcionários podem fazer buscas dos casos por data, ocorrência, agente, viatura ou corporação. Como o GeTran funciona como talões, o registro gera estatísticas diárias, semanais, semestrais e anuais. Além disso, tem outras funcionalidades. Por conta dos cadastros, identifica quando a viatura está disponível ou não, serve como livro de ponto, registra troca de óleo, filtro de ar, abastecimentos dos carros oficiais e possui assinatura digital.

Imagens: O responsável pelas imagens é o coordenador operacional do Centro de Operações e Inteligência, Marcelo Braga Alves, que é da classe especial da Guarda Municipal. Seis pontos onde estão instaladas as câmeras ficam disponíveis para acesso no site oficial da Prefeitura de Itanhaém, por meio do Itanhaém Ao Vivo. As outras câmeras não estão disponíveis porque são câmeras instaladas em pontos somente de interesse da equipe de segurança.

Em caso de fatos em que foi elaborado Boletim de Ocorrência Policial, a população pode solicitar o acesso às imagens por meio da Secretaria de Trânsito e Segurança. O interessado deve preencher um documento de solicitação e, além da original, estar com a cópia do B.O.

Após esse procedimento, as imagens ficam à disposição da Policia Militar, Civil e a Justiça para investigações. Se as autoridades requererem posse das imagens, a solicitação também é feita por meio de documento, por ofício. Todas as imagens ficam no sistema durante um período de 30 dias após o registro. A Secretaria está localizada na Rua Capitão Manoel Bento, 19, Centro, telefone: (13) 3426.5789 / 3426.5790.


Palavras-chave: , , ,