Publicado em: 20/03/2017 - Última modificação: 20/03/2017 - 16:41
comunicacao@itanhaem.sp.gov.br

No vôlei, duas categorias têm vagas abertas; equipes seguem treinando para competições

ESPORTE - Turma masculina, de 8 a 12 anos, e adulta feminina de iniciação têm vagas disponíveis



Seleção de Vôlei Itanhaém
Categorias de base da Seleção de Vôlei de Itanhaém seguem treinando para competições futuras

Compatilhar:

As categorias de base da Seleção de Vôlei de Itanhaém seguem treinando para competições futuras, mas algumas faixas etárias estão com vagas disponíveis a novos atletas. São os casos da turma masculina, de 8 a 12 anos, que treina no Centro Municipal Tecnológico de Educação, Cultura e Esportes (CMTECE), e da adulta feminina de iniciação, no ginásio da Escola Estadual Benedito Calixto.

Siga a Prefeitura de Itanhaém no Instagram e no Facebook

O CMTECE está localizado na Avenida Condessa de Vimieiros, 1.131, Centro. A equipe masculina, de 8 a 12 anos, treina às segundas, quartas e sextas, das 17 horas às 18h30. As outras categorias, atualmente preenchidas, são a feminina de 8 a 12 anos (terças e quintas) e a masculina de 12 a 19 anos (terças e quartas)

Já a escolinha para mulheres adultas tem suas atividades no ginásio do Calixto, localizado na Rua Leopoldino de Araújo, s/nº, Centro. Posteriormente, quando a adaptação estiver consolidada, as participantes que se destacarem poderão ser selecionadas para o time principal. Os treinos desta faixa etária ocorrem apenas aos domingos, a partir das 16 horas.

ALUNOS – Não faltam exemplos de jovens que buscam um futuro no vôlei. O garoto Paulo Henrique Tischer Mosolino, de 11 anos, via o seu pai (também chamado Paulo) jogar na quadra e na praia. “Se eu conseguisse ter um futuro profissional, gostaria muito”, disse o garoto. A rotina de treinos deixa o garoto satisfeito: “O professor Leandro ensina tudo direitinho. É bem puxado, mas é legal”.

Por sua vez, Matheus Roscia, de 14 anos, começou no ano passado e já está uma categoria acima. O vôlei também veio da família: “Meu irmão mais velho (Kaiê) jogava vôlei aqui na Cidade. Nós brincávamos em casa, montando uma rede na garagem. Não sabia que tinha treino por aqui. Foi então que meu outro irmão Pedro começou a treinar e me recomendou”.

Ao contrário de Paulo Henrique, que ainda não tem posição fixa por estar na turma mais jovem (embora tenha o sonho de atuar como oposto), Matheus é levantador e participa de atividades com todas as faixas etárias. “Eu treino seis dias por semana. Quero fazer alguns testes no fim do ano, tentar virar profissional”.

O professor Leandro Menezes aguarda pelos novos alunos, enquanto treina para competições futuras: “O vôlei é muito importante para a molecada porque tira eles das ruas, faz com que ganhem experiência, coordenação motora, habilidade. É uma modalidade que está em franco crescimento no Brasil, há muito tempo”.

Enquanto isso, ele já treina com os mais velhos para as competições. O calendário está recheado para a temporada: “Disputaremos no próximo dia 26 o Torneio Metropolitano com o sub-19 masculino, depois os Jogos da Juventude em abril e tanto os Jogos Regionais quanto os Abertos mais para frente, neste caso com os adultos”.

INSCRIÇÕES – Interessados devem procurar o professor Leandro Menezes às segundas, quartas e sextas (das 14 às 16h30) no Departamento de Esportes, localizado dentro do Centro Municipal Tecnológico de Educação, Cultura e Esportes (CMTECE), na Avenida Condessa de Vimieiros, 1.131, Centro.

É necessário levar uma foto 3×4, além de cópias de RG, CPF e comprovante de residência. No caso dos jovens, eles devem ser acompanhados por um responsável no ato da matrícula.


Palavras-chave: , , ,