Serviços
acessibilidade



Publicado em: 21/06/2018 - Última modificação: 16/11/2020 - 12:40
comunicacao@itanhaem.sp.gov.br

Crianças aprendem sobre consumo consciente com o Projeto Reágua

REÁGUA - A atividade aconteceu no Centro Municipal Tecnológico de Educação, Cultura e Esporte (CMTECE), com alunos da EM Profª Silvia Regina Schivalon Marasca



Palestra foi ministrada para 50 alunos do 4º ano do ensino fundamental II

Compartilhar:

Alunos da EM Profª Silvia Regina Schivalon Marasca assistiram, na última quarta-feira (20), a palestra do Projeto Reágua, que tem como objetivo ensinar o consumo consciente, incluindo a educação ambiental nas unidades escolares participantes. O funcionário da Sabesp Onésimo Camilo Teixeira abordou sobre o uso adequado da água no dia a dia. A atividade aconteceu no Centro Municipal Tecnológico de Educação, Cultura e Esportes (CMTECE).

Confira as fotos

Siga a Prefeitura de Itanhaém no Instagram e no Facebook

A palestra reuniu 50 crianças do 4º ano do Ensino Fundamental II e teve como assunto o reaproveitamento da água da chuva. De forma interativa foi apontado qual o caminho da água até à população, o que é possível fazer para reaproveitar a água da chuva na própria casa e os atos que diminuem o consumo diário.

Para que as crianças pudessem compreender o assunto foram levados vídeos educativos, como clipes musicais, uma animação que conta a trajetória da água da chuva, slides para reforçar o tema e dicas de como reutilizar a água da máquina de lavar para limpar o quintal.

No final da palestra foi proposto aos alunos que estejam atentos, reduzam o consumo em casa e denunciem os vazamentos quando avistarem algum, ligando para a Sabesp. Como atividade, os alunos farão uma frase relacionada ao conteúdo ensinado a eles. Todas serão entregues à professora responsável pela turma, que escolherá a melhor para ser premiada.

REÁGUA – O projeto é financiado pelo Fundo Estadual de Recursos Hídricos (FEHIDRO), foi inaugurado no dia 22 de março, Dia Mundial da Água, e tem como objetivo ensinar o consumo consciente, incluindo a educação ambiental nas unidades escolares participantes.

Para que seja analisado o quanto é desperdiçado por cada um, são feitas pesquisas e palestras voltadas ao público infantil do 3º, 4º e 5º anos do Ensino Fundamental II, que abordam sempre o quão importante é estar atento ao desperdício e fazer sempre que possível a reutilização. O calendário e as ações do projeto nas escolas indicadas pela Secretaria do Estado da Educação (Seduc) foram planejados desde 2017. Toda a programação acontece em mais de 200 salas de aula, assim atendendo mais de 6 mil alunos.

As atividades do projeto não se limitam às escolas, são realizadas atividades instrutivas para as comunidades participantes, como tendas com telas e vídeos sobre consumo consciente, o aproveitamento da água da chuva e um equipamento cedido pela Sabesp demonstra o gasto de água, além da adequação do Centro de Pesquisas do Estuário do Rio Itanhaém para reaproveitamento da água da chuva.


Palavras-chave: , , , ,