Serviços
acessibilidade



Publicado em: 29/08/2022 - Última modificação: 31/08/2022 - 11:13
comunicacao@itanhaem.sp.gov.br

Violonista de Itanhaém alcança topo da parada da Billboard com o álbum ‘Saudade’

SUCESSO - Ex-aluno da Casa da Música, Plínio cresceu no Município e desde seus setes anos se interessa por musica



O artista aperfeiçoa seu talento na Royal Academy of Music, uma das escolas de musica mais prestigiadas do mundo, localizada em Londres.

Compartilhar:

O violonista de Itanhaém, Plínio Fernandes está alçando novos ares em sua carreira. Morando em Londres há sete anos, o musicista vem ganhando mais destaque após lançar seu primeiro álbum, intitulado ‘Saudade’, que alcançou o topo da parada da Billboard em julho deste ano. O trabalho do artista contém versões de musicas como “Assanhado”, “Garota de Ipanema” e “Aquarela do Brasil”. A oportunidade de estudar no exterior veio em decorrência de ter ganhado uma bolsa integral da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes).

Siga a Prefeitura de Itanhaém no Instagram, no Facebook, no Twitter, no Youtube e no Flickr

Plínio cresceu no Município e desde seus setes anos se interessa por música, e é ex-aluno da Casa da Música, que foi inaugurada em 2005, e oferece aulas de instrumentos, canto coral adulto e infantil, corpo coreográfico, pintura e desenho, com o objetivo de incentivar a arte e a inclusão social. Mais tarde, o artista aperfeiçoaria seu talento na Royal Academy of Music, uma das escolas de musica mais prestigiadas do mundo, localizada em Londres.

O musicista revela grande alegria quando soube que seu trabalho estava no topo das paradas internacionais: “Quando vi, fiquei muito feliz de representar o Brasil e também o Município de Itanhaém num local de tanto destaque, e saber que as pessoas estão ouvindo música brasileira no mundo afora”.

Vindo de uma família de músicos, suas primeiras aulas de violão foram com seu pai. Entrou na Casa da Música de Itanhaém em 2005 e ficou por um semestre tendo aulas, e mais tarde também foi professor de violão nas oficinas do Ponto de Cultura, que acontecia na Casa Calixto. Também foi aluno da rede pública de ensino e fez o Ensino Fundamental na EM Profª Dalva Dati Ruivo. Já no Ensino Médio, ganhou bolsa numa escola particular.

Plínio também deixa uma mensagem a todos os amantes da música que residem na Cidade: “Sejam muito curiosos, escutem muitas músicas de estilos diferentes e estudem muito. A música não só como profissão deve ser estudada, pois assim as pessoas podem se conhecer através dela. É uma ferramenta para a vida toda que abre seu campo cultural”, ressalta.


Palavras-chave: , ,