Serviços
acessibilidade



Publicado em: 01/09/2022 - Última modificação: 12/09/2022 - 11:05
comunicacao@itanhaem.sp.gov.br

Espetáculo solidário “Viva Mazzaropi” será apresentado no Teatro Eva Wilma neste sábado (10)

CULTURA SOLIDÁRIA - Os ingressos já estão sendo trocados por 1 (um) item de bebê no Fundo Social de Solidariedade



A peça “Viva Mazzaropi” é uma realização e direção da VB Produções, do ator Vitor Branco, tem o apoio do Departamento de Cultura de Itanhaém

Compartilhar:

Espetáculo solidário em homenagem a um dos mais icônicos personagens do cinema brasileiro, a peça “Viva Mazzaropi” será encenado no Centro de Capacitação do Professor e Teatro Eva Wilma no próximo dia 10 (sábado), a partir das 21 horas. A classificação indicativa é livre e os ingressos já estão sendo trocados no Fundo Social de Solidariedade.

Siga a Prefeitura de Itanhaém no Instagram, no Facebook, no Twitter, no Youtube e no Flickr

O valor do ingresso é 1 (um) item de bebê que será revertido aos kits maternidade do Fundo Social de Solidariedade (pode ser shampoo, lenço umedecido, sabonete líquido ou pomada para assadura). O órgão fica na Rua Cunha Moreira, 61, Centro, e funciona das 9 às 11 horas e das 13 às 16 horas.

Se houver ingressos remanescentes, os mesmos poderão ser trocados no dia do evento, a partir das 15 horas, na bilheteria. Lembrando que os ingressos são limitados e, portanto, é possível que não restem mais convites para a troca no dia da peça.

SOBRE A PEÇA – A peça “Viva Mazzaropi” é uma realização e direção da VB Produções, do ator Vitor Branco, tem o apoio do Departamento de Cultura de Itanhaém. O espetáculo comemora os 45 anos de carreira do ator que já se apresentou em Itanhaém outras duas vezes, com as comédias “Até que o Tinder nos separe” e “Quase cinquenta tons de cinza”.

Vitor Branco é um dos destaques do programa “A praça é nossa”, do SBT, com o personagem ‘Mafioso’. Começou a carreira na extinta TV Tupi e teve papéis importantes na TV, como nas novelas A Próxima Vítima (mordomo Alfredo), Barriga de Aluguel (caminhoneiro Jonas), Éramos os Seis (primeira versão) e em Os Trapalhões.

O espetáculo faz parte do projeto “Cultura Solidária” e revive os melhores momentos de Amacio Mazzaropi, o maior caipira brasileiro e um dos maiores cineastas da história do cinema brasileiro, com 32 filmes estrelados em mais de 30 anos de carreira.


Palavras-chave: , , ,