Publicado em: 26/06/2017 - Última modificação: 30/06/2017 - 17:46
comunicacao@itanhaem.sp.gov.br

PIS/Pasep: período para sacar abono reabre em 27 de julho

ECONOMIA - Quem cumpriu pelo menos 30 dias de trabalho no ano de 2015 tem direito ao benefício



Carteira de Trabalho
Além disso, a pessoa deve estar inscrita no programa em questão há pelo menos cinco anos

Compatilhar:

O período para sacar o abono salarial do Programa de Integração Social (PIS), para trabalhadores com carteira assinada, ou Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público (Pasep), para servidores públicos, será reaberto em 27 de julho e ficará até 28 de dezembro. Quem cumpriu pelo menos 30 dias de trabalho no ano de 2015 tem direito ao benefício, que pode ser sacado na Caixa Econômica Federal ou Banco do Brasil, respectivamente.

Siga a Prefeitura de Itanhaém no Instagram e no Facebook

Além disso, a pessoa deve estar inscrita no programa em questão há pelo menos cinco anos. Já a remuneração mensal média do ano-base não pode ter ultrapassado o valor de dois salários mínimos. Por fim, os dados pessoais devem constar de forma correta na Relação Anual de Informações Sociais (Rais), o que é de responsabilidade do empregador.

A princípio, o prazo iria até 30 de junho, mas será reaberto após aprovação do Conselho Deliberativo do Fundo de Amparo ao Trabalhador (Codefat). O dinheiro que não foi resgatado será destinado ao Fundo de Amparo ao Trabalhador (FAT), sendo usado para seguro-desemprego e o próprio abono do próximo ano – relativo a 2016.

CONSULTA – No site do Ministério do Trabalho, o cidadão pode consultar se tem direito ao abono salarial do ano-base de 2015. Acesse o site verificasd.mtb.gov.br/abono, digite o número do CPF ou do PIS/Pasep e a data de nascimento. A Central de Atendimento Alô Trabalho, também do ministério, atende pelo número de telefone 158.

O saque do PIS pode ser efetuado em qualquer agência da Caixa ou em casas lotéricas, levando o Cartão Cidadão e um documento de identificação. Já no caso do Pasep, que deve ser retirado no Banco do Brasil, apenas o documento é necessário, após verificar se o benefício foi depositado em conta. Mais informações nos telefones 0800 726 0207 (Caixa) e 0800 729 0001 (Banco do Brasil).


Palavras-chave: , , ,