Publicado em: 21/07/2017 - Última modificação: 31/07/2017 - 18:35
comunicacao@itanhaem.sp.gov.br

Com certificado de Padaria Artesanal nas mãos, aluna já pensa em montar seu próprio negócio

FUNDO SOCIAL - Formatura ocorreu na última quinta-feira (20) e certificou 20 alunos no total



Luciene não possuía nenhuma intimidade com padaria ou confeitaria, e pretende colocar em prática tudo o que aprendeu

Compatilhar:

Ter um curso profissionalizante no currículo vem sendo indispensável para ingressar no mercado de trabalho. A jovem Luciene Rodrigues, de 27 anos, já pensa em montar seu próprio negócio. Ela está entre os formandos que receberam na última quinta-feira (20) o certificado do projeto Padaria Artesanal, do Fundo Social de Solidariedade. A iniciativa visa dar independência e incentivar a geração de renda.

Confira as fotos

Entrega de certificados Pararia Artesanal- Fundo Social de Solidariedade de Itanhaém

Siga a Prefeitura de Itanhaém no Instagram e no Facebook

Luciene não possuía nenhuma intimidade com padaria ou confeitaria. Hoje, com a experiência, pretende colocar em prática tudo o que aprendeu, incluindo noções de empreendimento. “No curso, aprendi diferentes técnicas para mexer com massas. Estou muito feliz com o resultado das aulas e, principalmente, com a atenção que a professora nos deu”, explica Luciene com um brilho no olhar.

Já Gisele Viana, de 39 anos, tinha noções nesta área da culinária. Porém, ela afirma que a reciclagem de conhecimento é essencial a todos. “Descobri produtos de baixo custo e maneiras de economizar. Aprender nunca é demais”. A aluna conta que já tem planos para o certificado nas mãos. “Não tenho a intenção, neste momento, de abrir um comércio, mas vou colocar tudo em prática em casa, com meus familiares”, brinca.

Querida por seus alunos, a professora Ana Capellari, de 62 anos, trabalha há 20 anos no ramo de padaria e de confeitaria. “Minha maior recompensa é ver o grupo vendendo e conseguindo se sustentar”, afirma. “A experiência em ensinar quem não tem familiaridade com a cozinha é extremamente gratificante”.

O curso de Padaria Artesanal já é tradição no Fundo Social de Solidariedade desde 2013. O projeto, que ensina gratuitamente técnicas para a produção de pães, salgados para festas e técnicas de confeitaria, já formou centenas de alunos.


Palavras-chave: , ,