Publicado em: 09/11/2017 - Última modificação: 10/11/2017 - 16:09
comunicacao@itanhaem.sp.gov.br

Mãos à obra: pavimentação da Marginal Sul da rodovia anima moradores

AVANÇANDO - À medida que a pavimentação avança, a população de bairros como Jardim Suarão, Campos Elíseos e Vila Loty já comemora a novidade



No primeiro momento, os serviços estão concentrados em trecho entre a Rua Júlio Rodrigues e a Avenida França

Compatilhar:

As obras da Ligação Viária Norte-Sul, marginal da Rodovia Padre Manoel da Nóbrega (SP-55), afetarão positivamente a rotina de diversos bairros de Itanhaém, como Jardim Suarão, Campos Elíseos e Vila Loty. À medida que a pavimentação avança, a população destes locais já comemora a novidade.

 Siga a Prefeitura de Itanhaém no Instagram e no Facebook

É o caso do comerciante Paulo Carlos Ribeiro, de 56 anos, que por conta das suas tarefas diárias acaba passando pelo local diversas vezes por dia. “Estou neste ponto há mais de 30 anos, moro perto do meu estabelecimento. Agora, os ônibus podem passar, as viaturas vêm com mais segurança. É bom para todos”.

Por enquanto, os trabalhos estão localizados na altura do Jardim Suarão, mas logo chegarão aos demais bairros. Boa parte dos curiosos passa por Paulo durante o dia. “Muitos vizinhos e turistas perguntam sobre a pavimentação, pedem informações sobre as obras. Quando a gente informa o que está acontecendo, eles ficam muito contentes. É muito bom para a Cidade”.

Frequentador no Suarão, Fábio Bonfim Neves, de 50 anos, é morador da Vila Loty e também utiliza a Avenida Marginal Sul todos os dias. “A gente está vendo melhorias na Cidade, e isso é muito bom. Passo por aqui no mínimo duas vezes por dia. Muitas vezes, venho a pé, e agora estamos sentindo mais segurança nas ruas. Tenho familiares e amigos que moram nesta área e, como as obras já estão avançando, o pessoal fica cada vez mais ansioso”.

TRECHOS – No primeiro momento, os serviços estão concentrados em trecho entre a Rua Júlio Rodrigues e a Avenida França, com verba da Caixa Econômica Federal. Os demais trechos continuam em licitação e as obras serão sequenciais: com verba da Agência Metropolitana da Baixada Santista (AGEM), será pavimentada entre a Avenida França e a Rua Deputado Plínio Salgado; de lá até a Alameda Campos Elíseos, os trabalhos serão realizados por meio do Departamento de Apoio ao Desenvolvimento das Estâncias (Dade).

E não para por aí: por meio de uma emenda parlamentar do deputado federal Alexandre Leite, também haverá pavimentação da Alameda Campos Elíseos até Rua João Paulo da Luz; já entre a Avenida São Paulo, e a Rua Thelma será realizada com uma emenda do deputado federal Samuel Moreira; finalizando, em análise no Dade, está a urbanização do trecho final, até a divisa com a cidade de Mongaguá (Avenida Francisco Antonio Mendes Caruso).


Palavras-chave: , , , , ,