Prefeitura de Itanhaém | Tribunal de Contas do Estado de São Paulo lança “Observatório do Futuro”


Generic selectors
Resultados exatos
Buscar por títulos
Buscar por conteúdo
Buscar
Buscar em páginas
Filtrar por categorias
Administração
Assistência e Desenvolvimento Social
Comunicação Social
Desenvolvimento Econômico
Educação, Cultura e Esportes
Fazenda
Fundo Social
Gestão e Controle
Governo Municipal
Habitação
Leia Mais
Mais Notícias
Negócios Jurídicos
Obras e Desenvolvimento Urbano
Planejamento e Meio Ambiente
Procuradoria Geral
Relações do Trabalho
Saúde
Sem categoria
Serviços e Urbanização
Trânsito e Segurança Municipal
Turismo
Publicado em: 31/01/2018 - Última modificação: 01/02/2018 - 18:30
comunicacao@itanhaem.sp.gov.br

Tribunal de Contas do Estado de São Paulo lança “Observatório do Futuro”

COMPROMISSO - Itanhaém esteve representada no lançamento; núcleo foi criado para monitorar a implementação dos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável da ONU



Os ODS são o caminho proposto para a efetivação da Agenda 2030, com 17 objetivos e 169 metas aprovados por lideranças mundiais

Compartilhar:

Em busca de efetividade das políticas públicas, o Tribunal de Contas do Estado de São Paulo (TCESP) lançou, nesta quarta-feira (31), o Observatório do Futuro. O núcleo foi criado para monitorar a implementação dos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODS) no Estado. Itanhaém participou do lançamento da iniciativa, com a presença do prefeito Marco Aurélio Gomes e dos secretários municipais de Comunicação Social, Silvio Lousada, e de Gestão e Controle, Menale Júnior.

Siga a Prefeitura de Itanhaém no Instagram e no Facebook

Os ODS são o caminho proposto para a efetivação da Agenda 2030, com 17 objetivos e 169 metas aprovadas por lideranças mundiais para a promoção da democracia, preservação da natureza e erradicação da pobreza. Ao todo, 193 países-membros das Organizações das Nações Unidas (ONU) se comprometeram a desenvolver políticas públicas para o cumprimento da agenda, incluindo o Brasil.

Também foi lançada uma cartilha sobre os ODS, com metas estabelecidas pela ONU e o papel do TCESP na implementação das diretrizes. O órgão promoverá cursos, capacitará servidores e ainda ajudará na sistematização e divulgação de dados e boas práticas sobre o assunto.

O núcleo utilizará informações do Índice de Efetividade da Gestão Municipal (IEG-M) e, futuramente, do Índice de Efetividade da Gestão Estadual (IEG-E), que terá os primeiros resultados divulgados no final do ano para medir o avanço dessas políticas.


Palavras-chave: , , , , ,