Serviços
acessibilidade



Publicado em: 02/07/2018 - Última modificação: 16/11/2020 - 12:34
comunicacao@itanhaem.sp.gov.br

Programa Social Escolar tem êxito no combate à evasão em Itanhaém

EDUCAÇÃO - O Programa sempre colhe bons frutos e os resultados positivos influenciam na nota do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (IDEB)



Desde 2005 o Programa Social Escolar vem diminuindo o número de evasão escolar no Município

Compartilhar:

Mais uma vez, os super-heróis da vida real tem êxito no combate à evasão escolar. O Programa Social Escolar trabalha por meio de agentes escolares que fazem visitas nas residências de alunos infrequentes, estabelecendo uma relação entre família e escola. Desta vez, o resultado vem sendo efetivo na Educação Infantil, com crianças de 4 a 5 anos, que se encontram nos prés I e II. Graças ao trabalho e dedicação dos agentes, 100% dos alunos estão matriculados nas escolas.

Siga a Prefeitura de Itanhaém no Instagram e no Facebook

Diversos motivos levam uma criança a parar de frequentar a escola e influenciam na falta de interesse em estar no local. Quando contatados, os agentes se dirigem à residência do aluno para identificar o que levou a criança se ausentar do âmbito escolar. A visita acontece no momento em que a escola não consegue se comunicar ou localizar a família do aluno infrequente e solicita o acompanhamento dos agentes escolares que, mesmo sem solicitações, estão sempre nas escolas acompanhando a evolução dos casos e possíveis evasões.

Aline de Almeida Souza é agente escolar há cinco anos e conta como é a recepção das famílias quando vai visitá-las. “Ao chegar à residência de uma criança infrequente, muitas vezes encontramos situações de vulnerabilidade social, dificuldades de acesso à escola pela falta de passe escolar e outras questões, por isso que cada caso é um caso e cada realidade é tratada de forma diferente. Nosso trabalho é de insistência, estamos a todo tempo persistindo para que todas as crianças tenham seus direitos de acesso ao ensino garantidos”, finaliza.

O Programa Social Escolar sempre colhe bons frutos, e os resultados positivos influenciam na nota do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (IDEB), indicador que mede a qualidade do ciclo básico do ensino brasileiro. Além do Ensino Fundamental, o programa também acompanha os alunos da Educação de Jovens e Adultos (EJA).

 DADOS – Desde 2005 o Programa Social Escolar vem diminuindo o número de evasão escolar no Município. No início, a Rede Municipal de Ensino tinha 14 mil crianças matriculadas e mais de 300 casos de evasão escolar. Em 2017 eram mais de 18 mil crianças matriculadas, 1.206 com frequência irregular e apenas 16 alunos evadidos, foram 132 visitas domiciliares por mês e 1.324 no ano. Atualmente, 100% das crianças com idade entre 4 e 5 anos que estão na pré escola frequentam as aulas sem evasão.

O Programa Social Escolar é realizado pela Secretaria de Educação, Cultura e Esportes juntamente com as secretarias de Saúde e Assistência e Desenvolvimento Social em parceria com o Banco de Alimentos, Fundo Social de Solidariedade, Centro de Referência Especializado de Assistência Social (CREAS), Conselho Tutelar e Ministério Público.


Palavras-chave: , ,