Generic selectors
Resultados exatos
Buscar por títulos
Buscar por conteúdo
Buscar
Buscar em páginas
Filtrar por categorias
Administração
Assistência e Desenvolvimento Social
Comunicação Social
Desenvolvimento Econômico
Educação, Cultura e Esportes
Fazenda
Fundo Social
Gestão e Controle
Governo Municipal
Habitação
Leia Mais
Mais Notícias
Negócios Jurídicos
Obras e Desenvolvimento Urbano
Planejamento e Meio Ambiente
Procuradoria Geral
Relações do Trabalho
Saúde
Sem categoria
Serviços e Urbanização
Trânsito e Segurança Municipal
Turismo
Publicado em: 11/07/2018 - Última modificação: 11/07/2018 - 15:48
comunicacao@itanhaem.sp.gov.br

Levar animais na praia pode trazer doenças e é proibido por Lei

INFRAÇÃO - A lei municipal 3.553, de 15 de setembro de 2009 proíbe o ingresso de animais ou permanência na orla da praia



A infração pode trazer doenças aos animais e ao ser humano

Compartilhar:

Você costumar passear com seus animais de estimação na praia? Saiba que além de fazer mal para a saúde da população que frequenta o local, e para a do bicho, esse tipo de ato na Cidade é ilegal. De acordo com a Lei 3.553, de 15 de setembro de 2009, o ingresso de animais ou permanência na orla da praia do Município está proibido.

Siga a Prefeitura de Itanhaém no Instagram e no Facebook

Além de trazer consequências graves aos animais como: exposição ao sol forte (que pode causar queimadura nas patas) e inflamações de ouvido; para os humanos pode trazer doenças como: bicho de pé (uma espécie de pulga que se aloja sob as unhas ou os dedos do pé do ser humano) e o bicho geográfico (uma larva microscópica presente no intestino e nas fezes de cães e gatos).

Há ainda o fato de que além da transmissão de doenças pelas fezes do animal, um dos principais problemas causados pela presença de animais nas praias é o risco de acidentes. O ambiente geralmente recebe crianças, há muito barulho, e com isso o bicho pode se assustar e atacar alguém, ainda que seja manso, por isso é importante a conscientização da população para que não leve o pet nestes locais.

A lei completa está disponível no site oficial da Prefeitura no link.


Palavras-chave: ,