Serviços
acessibilidade



Publicado em: 30/09/2019 - Última modificação: 16/11/2020 - 11:24
comunicacao@itanhaem.sp.gov.br

Vencedores da etapa municipal da Olimpíada de Língua Portuguesa são anunciados

PRÓXIMA FASE - Os alunos Yasmin Santos, Emerson de Souza, Maria Julia Machado e Laura Meirinho disputarão a etapa estadual



Compartilhar:

Itanhaém definiu os seus representantes da rede municipal de ensino na etapa estadual da 6ª Olimpíada da Língua Portuguesa. Eles foram anunciados durante a Cerimônia Literária, evento que ocorreu na Câmara dos Vereadores na última sexta-feira. Foram selecionados os quatro estudantes autores dos melhores textos de suas categorias.

Siga a Prefeitura de Itanhaém no Instagram, no Facebook e no Twitter

A Olimpíada de Língua Portuguesa é composta por sete etapas e Itanhaém já passou por quatro fases. Agora, os estudantes vencedores seguem para a estadual, onde buscarão vagas para concorrer à etapa nacional.

Leia mais

Projeto de escola de Itanhaém promove a inclusão de aluna com deficiência
Projeto ensina a estudantes o funcionamento dos poderes Legislativo e Judiciário

A aluna Yasmin da Silva Santos, da Escola Maria Graciette Dias, autora de ‘Um passeio…’ e Emerson Pereira de Souza, da Filomena Dias Apelian, autor de ‘Minha Cidade’ foram os ganhadores da categoria Poema. A obra ‘Alma Caiçara’ escrita por Maria Julia Silvia Machado, também da Filomena, conquistou a categoria Memórias Literária.

História de Pescador

Na segunda Cidade mais antiga do Brasil há muitas pessoas que vivem da pesca e também belezas naturais que encantam. Essas foram as inspirações que levaram a estudante Laura Meirinho, da escola Harry Forssell, a escrever a crônica ‘História de Pescador’, ganhadora da categoria.

Laura nasceu e vive em Itanhaém. As paisagens e a pesca fazem parte de sua rotina, já que seu pai costuma pescar por diversão. “É a primeira vez que participo da Olimpíada e estou me sentindo muito vitoriosa. É uma grande conquista para mim”, disse Laura.

O texto escrito por Laura é narrado sob o ponto de vista de um pescador, personagem criado por ela. A professora Tatiana Gil ajudou na pesquisa e apresentou à estudante Dicionário Tabacudo, que contém expressões caiçaras usadas na crônica. “Estou muito feliz, pois a Laura é muito dedicada e esforçada. É um privilégio poder fazer parte da história de uma aluna que tem um futuro brilhante na escrita”, contou Tatiana.

Além dos familiares, alunos e educadores, também participaram do evento o prefeito Marco Aurélio Gomes, o presidente da Câmara Hugo Di Lallo, o secretário de Educação, Cultura e Esportes Douglas Luiz Rodrigues, a diretora pedagógica Lilian Batalha e a diretora administrativa Roselia Paquier.


Palavras-chave: , , , , , , ,