Publicado em: 02/10/2019 - Última modificação: 10/10/2019 - 10:18
comunicacao@itanhaem.sp.gov.br

Em Audiência Pública da Saúde, Prefeitura presta contas do 2º quadrimestre do ano

ESCLARECIMENTOS - Evento apresentou relatórios de procedimentos, despesas e ações realizadas por equipamentos da saúde durante os meses de maio, junho, julho e agosto



Na ocasião, munícipes e profissionais do setor estiveram reunidos na Câmara Municipal

Compartilhar:

No último dia 26, a Secretaria Municipal de Saúde realizou Audiência Pública referente ao 2º quadrimestre de 2019. Conduzido pelo Dr. Maurício Rangel Torres, o evento apresentou relatórios de procedimentos, despesas e ações realizadas por diversos equipamentos da saúde durante o 2º quadrimestre do ano, que corresponde aos meses de maio, junho, julho e agosto. Na ocasião, munícipes e profissionais do setor estiveram reunidos na Câmara Municipal, no Centro.

 Siga a Prefeitura de Itanhaém no Instagram, no Facebook e no Twitter

 Confira as fotos

A audiência é prevista pela Lei Federal Complementar nº 141 e acontece a cada quadrimestre. “Nosso objetivo é compartilhar com os munícipes quais os rumos e planejamentos da Saúde no Município para esclarecer com os usuários do serviço quais as ações que acontecem na Cidade”, ressalta o coordenador de Saúde Bucal do Município, Dr. Maurício Rangel Torres.

Leia mais
Nova Unidade de Saúde da Família (USF) será referência para o Guapurá
Pequenos gestos fazem a diferença: Setembro Amarelo reúne munícipes em ação de conscientização

DADOS

A Rede de Atenção Básica, que abrange as Unidades de Saúde da Família (USFs), registrou 266.943 procedimentos realizados durante maio, junho, julho e agosto. Já os números da Rede de Atenção Especializada – equipamentos como o Centro de Especialidades Médicas de Itanhaém (CEMI), Centro de Atenção Psicossocial (CAPS) e outros – apontam 98.830 procedimentos durante os quatro meses.

Enquanto isso, a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) realizou 307.672 atendimentos, alcançando a média de 76 mil pacientes por mês, já o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) registrou 62.144 procedimentos. A Vigilância em Saúde também apresentou seu trabalho por meio de dados. Neste quadrimestre, o departamento registrou 42.691 imóveis visitados no combate a arboviroses.

Na ocasião também foram apresentadas as ações desenvolvidas nos equipamentos de saúde, como a campanha de Agosto Dourado, as ações de prevenção à dengue nas residências, o projeto Ser Ativo e outros.

ATENÇÃO

Além dos atendimentos dentro do Município, é importante que a população tenha consciência da quantidade de pacientes que faltam em consultas externas, agendadas no Ambulatório Médico de Especialidades (AME) ou no Hospital Guilherme Álvaro. Isso porque neste 2º quadrimestre, o Município registra uma ausência de 22,7% da população em consultas marcadas e 29,4% de ausência em exames agendados. O índice reduz o número de agendamentos para Itanhaém, prejudicando outros pacientes que necessitam da consulta, ou seja, quanto mais faltas, menos vagas.


Palavras-chave: , , ,