Publicado em: 08/10/2019 - Última modificação: 08/10/2019 - 16:57
comunicacao@itanhaem.sp.gov.br

Estudantes da EM Harry Forssel conhecem profissões do mundo jurídico

APRENDIZADO - O encontro reuniu alunos do 9º ano e representantes da advocacia, promotoria e judiciário, no auditório da OAB, no Centro



Compartilhar:

O Auditório da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) recebeu 62 alunos do 9º ano da Escola Municipal Harry Forssell para uma palestra sobre profissões jurídicas. Advogado, promotor de justiça, delegado de polícia, juiz e diretor de ofício judicial contaram sobre as suas trajetória e carreiras para os estudantes. O secretário de Educação, Cultura e Esportes Douglas Luiz Rodrigues, que é advogado, também participou.

Siga a Prefeitura de Itanhaém no Instagram, no Facebook e no Twitter

O bate-papo regado a histórias de superação e de aprendizado teve o “intuito de promover e incentivar no aluno o sentimento de pertencimento da vida em sociedade. Ressaltando a importância dos estudos como o único meio de alcançar o seu objetivo profissional”, explicou Maria Sônia Granja, orientadora educacional do Projeto Teia de Valores na Harry Forssel, responsável pelo encontro.

“Eu achei maravilhoso porque contaram as dificuldades que encontraram na sua trajetória, e, apesar disso, não desistiram dos seus sonhos e hoje trabalham por amor”, avaliou a aluna Heloisa Elena Frontoura de Sousa, de 14 anos.

Leia mais

Na Escola Lilian Aparecida fazer música é uma forma de aprender

Ao descobrir que seu cantor favorito, Eduardo Schenatto, além de músico era advogado, o estudante Kayque Henrique Alves dos Santos de 15 anos se interessou pelo assunto. E desde 2014 pensava na possibilidade de cursar direito, mas foi durante a palestra que Kayque teve a certeza de que realmente é essa carreira que quer seguir. A primeira vez tendo contato direto com um advogado, para o estudante, foi como o realizar de um sonho.

“Essa interação entre os poderes e os adolescentes é de extrema importância, porque aqui nós temos a oportunidade de esclarecer o que cada uma das carreiras realiza no seu dia a dia. Isso facilita até em uma escolha futura de que caminho seguir, caso queiram seguir para o Direito”, disse o juiz Paulo Alexandre Rodrigues Coutinho.

Confira mais fotos

O passatempo preferido de Julia Izabelli Ramos Oliveira, de 14 anos, é assistir a filmes e séries que abordam questões jurídicas, e isso despertou o interesse da garota pela profissão.  Para a estudante, a palestra sobre Promotoria de Justiça e de advocacia fez com que ela se sentisse em uma das suas novelas favoritas.

Projeto Teia de Valores – Sua essência é promover o pensamento crítico e reflexivo sobre valores humanitários frente à sociedade em geral, bem como a orientação de modo geral, sempre enaltecendo o protagonismo juvenil.


Palavras-chave: , , , , , , , , , , , ,