Serviços
acessibilidade



Publicado em: 04/05/2021 - Última modificação: 13/05/2021 - 11:56
comunicacao@itanhaem.sp.gov.br

Escolinha de Basquete está com inscrições abertas para alunos de 9 a 16 anos

ESPORTE - As inscrições acontecem durante todo o mês de maio



Compartilhar:

A Secretaria de Educação, Cultura e Esportes em parceria com o projeto social “Anjos do Esporte” está com as inscrições abertas para as escolinhas de basquete, destinadas aos meninos e meninas, entre 9 e 16 anos que queiram aprender a técnica do esporte. As inscrições acontecem durante todo o mês de maio.

Siga a Prefeitura de Itanhaém no Instagram, no Facebook, no Twitter, no Youtube e no Flickr

Para se inscrever, os interessados devem mandar um email para o endereço anjosdoesporteitanhaem@gmail.com, e solicitar a ficha de inscrição. Estão sendo disponibilizadas 250 vagas, divididas nos períodos da manhã, tarde e noite, nas seguintes unidades escolares: Escola Municipal Harry Forssell, Professora Eugênia Pitta Rangel Veloso, Lions Clube, Ana Cândida Ebling de Oliveira e Professora Maria Graciette Dias.

Tradicional na cidade, a escolinha de basquete de Itanhaém iniciou a parceria com o programa social, em 2019, no Jardim Oásis. O projeto “Anjos do Esporte” é parte integrante do Instituto Brazolin, que tem como missão proporcionar para crianças e jovens ferramentas para a transformação social e pessoal através de aulas de basquete em regiões carentes.

“A parceria com o Instituto Brazolin trouxe à nossa já tradicional escolinha de basquete, maior integração social das crianças e jovens de classes sociais distintas. Juntos, tratamos as atividades esportivas como ferramenta para transformar vidas, desenvolvendo ações que fomentam o trabalho em equipe, a motivação, e o controle emocional”, explicou o professor Eugênio Luiz Volpin, o Neno.

Neste momento, devido a pandemia da Covid-19, as aulas nas escolinhas de esportes, ainda estão paralisadas. Durante este tempo, o departamento de Esportes vem se preparando, para assim que liberada as atividades, todos os protocolos de segurança sejam rigorosamente seguidos.“Embora haja pressa em retomar a normalidade das atividades, é necessário o respeito aos indicativos de segurança e preservação da vida de alunos praticantes e pais expectadores. Ainda que isso signifique uma retomada lenta e gradual”, afirmou a secretária de Educação, Cultura e Esportes, Márcia Galdino.