Serviços
acessibilidade



Publicado em: 05/05/2021 - Última modificação: 12/05/2021 - 15:34
comunicacao@itanhaem.sp.gov.br

Itanhaém fortalece programa de proteção social

INCLUSÃO - A Prefeitura formalizou parcerias para execução do programa “Vida Independente” e do serviço de proteção social domiciliar para pessoas com deficiência



Compartilhar:

A Prefeitura de Itanhaém anunciou nesta quarta-feira (5), por meio da Secretaria de Assistência e Desenvolvimento Social, o início do Serviço de Proteção Social em Domicílio para Pessoas com Deficiência. O ato de formalização aconteceu na sede da secretaria e contou com a presença do secretário Hugo Di Lallo e do prefeito Tiago Cervantes. A iniciativa é uma parceria da Administração Municipal com o Centro de Orientação aos Deficientes de Itanhaém (CODI).

Siga a Prefeitura de Itanhaém no Instagram, no Facebook, no Twitter, no Youtube e no Flickr

O objetivo do atendimento domiciliar é prevenir situações de risco, exclusão, isolamento e maus tratos das pessoas com deficiência. “Este é um primeiro passo para avançarmos no plano de metas da área social e demonstra todo o cuidado da nossa gestão com as pessoas que mais precisam”, afirmou o prefeito.

Para o secretário Hugo Di Lallo, “a iniciativa visa fortalecer o trabalho de proteção social, sobretudo, garantir mais dignidade e qualidade de vida às pessoas com deficiência”, explicou.

O termo que autoriza o início imediato do serviço pelo CODI foi assinado na presença do presidente da entidade, Vicente Ferro.

APAE

No mesmo ato, foi assinado com a Associação de Pais e Amigos Excepcionais um termo de fomento para a execução do projeto “Vida Independente”, aprovado pelo Conselho Municipal de Assistência Social (CMAS) e com aplicação de recursos federais. O programa destina-se a fortalecer as ações desenvolvidas pela entidade e vai favorecer a inclusão e a melhoria da qualidade de vida. A APAE estava representada pelo vice-presidente Marivaldo Motta.

Na próxima semana, prefeito e secretário estarão novamente reunidos para empossar os novos membros do Conselho Municipal do Idoso e da Pessoa com Deficiência.