Serviços
acessibilidade



Publicado em: 17/05/2021 - Última modificação: 17/05/2021 - 17:25
comunicacao@itanhaem.sp.gov.br

Oásis receberá nesta terça-feira (18) mutirão de combate ao Aedes Aegypti

TODOS CONTRA A DENGUE - É solicitado aos moradores que retire de suas residências os materiais que possam servir de possíveis criadouros



Compartilhar:

Devido às chuvas, o mutirão contra o mosquito Aedes Aegypti que aconteceria na última sexta-feira (14), no Jardim Oásis, será realizado nesta terça-feira (18), das 9 às 14 horas. A ação será nas áreas de maior índice positivo de Dengue e conta com o apoio da Secretaria de Saúde, Departamento de Endemias, Atenção Básica, Comunicação e Regional do bairro.

Siga a Prefeitura de Itanhaém no Instagram, no Facebook, no Twitter, no Youtube e no Flickr

Um carro de som será usado para circular pelas ruas solicitando que a população retire os materiais que possam servir de possíveis criadouros (plásticos em geral, pneus velhos, vasilhas, lonas e encerados) e, caso necessário, que seja colocado nas esquinas das vias principais para ser recolhido com o auxílio de um caminhão cata-treco.

Uma tenda será montada e contará com a presença do Agente de Endemias da Unidade local e um IEC com informações sobre o ciclo do mosquito, orientando e anotando denúncias. Com ajuda de caixas de som estarão informando os cuidados a serem adotados pela população em suas residências, o local poderá ser usado também como ponto fixo para descarte de possíveis criadouros que serão recolhidos e entregue aos Ecopontos.

Equipes de Agentes (Endemias/Comunitário) percorrerão os quarteirões em torno da praça onde divulgam a ação e orientam sobre as doenças transmitidas pelo Aedes. Também serão formadas equipes de desinsetização que irão aplicar inseticidas (nebulização) no material reciclado recolhido assim como nas escolas dos locais.

Resumo do Mutirão no Gaivota

No último dia 10 de maio, o mutirão de combate ao Aedes Aegypti aconteceu no bairro do Gaivota. Durante a ação, 63 quarteirões e 374 casas foram abertas, vistoriadas, e orientadas com distribuição de panfletos.

Na oportunidade, houve a eliminação de 37 focos de larvas, sendo nebulizados e desinsetizados 40 imóveis de casos confirmados de dengue. No total, 1565 locais foram visitados pelos agentes de Endemias e de Saúde.  Ainda durante a ação, cinco toneladas de lixo e inservíveis foram recolhidas.