Serviços
acessibilidade



Publicado em: 24/11/2021 - Última modificação: 24/11/2021 - 16:45
comunicacao@itanhaem.sp.gov.br

Livro “Cirandeiras” será lançado no Gabinete de Leitura neste sábado (27)

LITERATURA - Aberto ao público o evento acontece às 18 horas, na Praça Carlos Botelho, 149, no Centro



Compartilhar:

Neste sábado (27), às 18 horas, o Espaço Gabinete de Leitura José Rsendo será palco do lançamento do livro ‘Cirandeiras’, do escritor Fabio G. Ferreira. Em sua nova obra, o autor apresenta doze histórias de deusas e mulheres, todas elas na mesma ciranda da vida, no jogo circular de violência, dores, descobertas, vitórias e superação. Aberto ao público, o evento acontece na Praça Carlos Botelho,149, no Centro.

Siga a Prefeitura de Itanhaém no Instagram, no Facebook, no Twitter, no Youtube e no Flickr

Ao longo da leitura, o leitor conhece as histórias de mulheres diretamente relacionadas às Orixás femininas, sem que descrevam seus mitos, mas que encontram nos arquétipos das deusas traços de personalidades femininas, como se fosse pequenas peças de um gigantesco quebra-cabeça.

O escritor busca oferecer ao leitor uma representação do Universo Feminino e suas contradições, desejos sufocados,  inadequações e força vital ancestral.

SOBRE O AUTOR – Fabio G. Ferreira, nasceu em Cubatão, SP em 1971. Aos onze anos, ganhou de presente de aniversário o livro Robin Hood e com curiosidade se entregou à leitura. Desde então, não parou mais de ler.

Formado em Letras, é professor de Língua Portuguesa, atuando no ensino fundamental e no médio, desde 1994, sempre focando seu trabalho no incentivo à leitura e escrita. Em 2013 iniciou sua carreira, como professor de ensino superior, trabalhando com temas como literatura infantil, alfabetização e diversidade, entre outros. Em 2010 aceitou o desafio de escrever para crianças, onde nasceu seus dois primeiros textos: A África de Dona Biá e o Ainda Bem Que é Tudo Diferente.

Cirandeiras é sua primeira publicação voltada para o público adulto. Atualmente o autor mora em Santos, perto do mar, dividindo sua casa com a família, duas gatas e seus livros.