Uva, a fruta da longevidade


UVA

A alimentação saudável é um fator de fundamental relevância para quem deseja levar uma vida de hábitos saudáveis.

Desta vez, a dica da nutricionista Priscila Fernanda Silva Andreazzi (CRN: 16853) é sobre o consumo de uma fruta muito saborosa: a uva.

Segundo a profissional, a uva possui antioxidantes o principal é o resveratrol, que são “guardiões das células”, sendo eficientes no reparo do dano causado ao DNA, prolongando a vida das células. Portanto é uma fruta indispensável à longevidade.

O vinho tinto é o que possui maior quantidade do resveratrol, pois sua fabricação é feita pela fermentação da fruta com a casca, parte da uva onde estão concentrados 93% dos antioxidantes.

Os vinhos tintos são indicados para homens e mulheres, com recomendação diária de duas taças para homem e uma para mulheres (os diabéticos devem seguir orientação médica para o consumo adequado).

O consumo moderado de vinho diminui em 6% o risco de desenvolver câncer de próstata e 40% o risco de problemas cardiovasculares, bem como ajuda na prevenção de doenças como Alzheimer e demência.