Serviços
acessibilidade



Publicado em: 14/02/2019 - Última modificação: 16/11/2020 - 11:57
comunicacao@itanhaem.sp.gov.br

Curso instrui sobre navegação em áreas perigosas

EMBARCAÇÕES - Tentativa de diminuir acidentes no canal da Boca da Barra do Rio Itanhaém estimula secretarias a conscientizar pescadores



Encontro teve como palestrante o sargento da Marinha, Marcelo Pinheiro. Evento ocorreu no Centro de Pesquisas

Compartilhar:

 Em busca de aprimorar procedimentos de segurança em navegações, as secretarias de Planejamento e Meio Ambiente e de Desenvolvimento Econômico promoveram nesta quinta-feira (14) um curso destinado a pescadores da Região. O objetivo é reduzir os acidentes em locais considerados perigosos que podem ocasionar a perda de vidas e cargas de embarcações de pequeno e médio porte. O encontro, que teve como palestrante o sargento da Marinha, Fabio Pinheiro, ocorreu no Centro de Pesquisas do Estuário do Rio Itanhaém, no Jardim Ivoty.

Siga a Prefeitura de Itanhaém no Instagram , no Facebook e no Twitter

O que motivou o evento foi a quantidade de acidentes que ocorreu no canal da Boca da Barra do Rio Itanhaém. De acordo com o secretário de Planejamento e Meio Ambiente, Ruy Santos, o número de embarcações na água aumenta na temporada, portanto, a quantidade de ocorrências aumenta muito nessas épocas. “Este tipo de atenção é importante para evitar problemas futuros que possam acarretar prejuízos financeiros e emocionais”.

Como a área já é conhecida por ser muito perigosa, o mar demanda uma maior cautela por parte dos navegantes, que precisam estar preparados para qualquer adversidade, sejam elas grandes ondas ou ventanias inesperadas. “Principalmente no Verão, que ocorrem diversos passeios turísticos, além do cuidado com a sua embarcação, há também as vidas sob a responsabilidade deles”, afirma o secretário de Desenvolvimento Econômico Eliseu Braga Chagas.

Leia Mais

Equipe do Centro de Pesquisa realiza ação de orientação e distribui mudas

Sociedade civil e iniciativas ambientais discutem sobre a preservação dos recursos hídricos

Para poder pilotar uma embarcação (lancha, barco, iate e jet-ski) é preciso obter uma carteira específica de habilitação que deve ser solicitada na Capitania dos Portos. As inscrições abrem duas vezes ao ano, em abril e outubro.


Palavras-chave: , , , ,