Serviços
acessibilidade



Publicado em: 16/08/2019 - Última modificação: 16/11/2020 - 11:27
comunicacao@itanhaem.sp.gov.br

Programa Cuidar é pauta em Congresso Internacional sobre Direito e Saúde Mental

RECONHECIMENTO - Psiquiatras que atuaram na Cidade por cinco anos apresentaram resultados do Programa Cuidar em Roma, na Itália



Itanhaém foi destaque em congresso internacional sobre direito e saúde mental

Compartilhar:

No último dia 24, o Programa Cuidar foi assunto em um evento na cidade de Roma, Itália. A importância da atuação intersetorial para a prevenção de problemas de saúde mental em crianças e adolescentes foi pauta dos psiquiatras Dr. Gustavo Manoel Schier Dória e Dra. Maria Cecília Beltrame Carneiro durante o 36ª edição do International Congress on Law and Mental Health (congresso internacional sobre direito e saúde mental). Após cinco anos atuando na Cidade, os profissionais apresentaram o resultado do Programa Cuidar em Itanhaém: a diminuição de jovens envolvidos em conflitos com a lei e uso de drogas.

Siga a Prefeitura de Itanhaém no Instagram, no Facebook e no Twitter

“É um orgulho para toda a equipe ter o trabalho abordado e reconhecido em um congresso internacional. Os psiquiatras que nos representam em Roma são profissionais de excelência e realizaram um trabalho com amor e dedicação que rendeu frutos ao nosso Município”, destaca a supervisora técnica do Programa Cuidar, Tatiana de Angelo.

Leia mais
Parceria entre Prefeitura e Receita Federal permitirá emissão de CPF para estudantes

Os doutores Gustavo e Maria Cecília atuaram no Programa Cuidar entre os anos de 2011 e 2018. Enquanto Gustavo auxiliou na implantação do Programa supervisionando a equipe técnica e realizando capacitações em toda rede de proteção da criança e do adolescente, a Maria Cecília atendeu crianças e adolescentes com os mais variáveis transtornos do espectro autista, depressão, ansiedade, dependentes químicos, entre outros.

 O PROGRAMA

Uma experiência exitosa e inovadora não só em Itanhaém, como também no Brasil, o Programa Cuidar é vinculado a três secretarias municipais: Saúde; Educação, Cultura e Esportes; e Assistência e Desenvolvimento Social. A iniciativa atende crianças e adolescentes em situação de negligência, autismo ou transtorno mental. O enfoque é a integração do jovem na família, comunidade ou quaisquer outras formas de inserção social, por meio do CAPS Infanto Juvenil e de atendimento a pacientes com transtornos mentais decorrentes do uso abusivo de álcool e drogas por meio do CAPS AD.


Palavras-chave: , , ,