Publicado em: 13/11/2019 - Última modificação: 04/12/2019 - 18:07
comunicacao@itanhaem.sp.gov.br

Praia Acessível permite banho de mar de pessoas com mobilidade reduzida

DE QUINTA A DOMINGO - O serviço acontece na Praia dos Pescadores, das 10 às 16 horas



As cadeiras anfíbias são construídas com alumínio e pneus especiais para que haja movimentação na areia e não afunde no mar

Compartilhar:

Não é novidade que a praia é o principal destino da população durante o Verão, afinal, tomar um banho de mar é uma das melhores maneiras se refrescar. Porém, para pessoas com mobilidade reduzida, entrar no mar pode se tornar um desafio. Por isso, a fim de transformar este cenário, a Praia dos Pescadores abriga o Programa Estadual Praia Acessível, que oferece cadeiras anfíbias para garantir a segurança da população durante a ida ao mar. O serviço acontece de quinta a domingo, das 10 às 16 horas, além de feriados. Em Itanhaém, o programa se estenderá entre os meses de dezembro, janeiro e fevereiro.

Siga a Prefeitura de Itanhaém no Instagram, no Facebook e no Twitter

Para ofertar o serviço, a Secretaria de Assistência e Desenvolvimento tem uma estrutura com tendas e monitores devidamente capacitados, que acompanham os usuários durante a ação. Para participar, basta levar o documento de identificação do usuário e do acompanhante e preencher um termo de responsabilidade. Vale lembrar que o programa é uma iniciativa da Secretaria Estadual dos Direitos da Pessoa com Deficiência (SEDPcD).

 Leia mais
Caravana da Inclusão reúne cerca de 200 pessoas
Após 25 anos, aposentada se emociona ao entrar no mar com o Praia Acessível

As cadeiras anfíbias são construídas com alumínio e pneus especiais para que haja movimentação na areia e não afunde no mar. Além disso, a altura dos equipamentos é planejada para que o usuário possa sentir a água em uma profundidade segura.

Segundo o secretário de Assistência e Desenvolvimento Social, Rogélio Ferreiro Rodrigues Salceda, o programa é de uma importância incalculável: “este serviço é capaz de realizar sonhos de pessoas que não entram no mar há anos, além de proporcionar autonomia e conforto aos participantes”.


Palavras-chave: , , , ,