Publicado em: 11/02/2020 - Última modificação: 18/02/2020 - 11:47
comunicacao@itanhaem.sp.gov.br

Pequenos gestos, grandes resultados: Menina de 11 anos doa 9 mil lacres para campanha

FUNDO SOCIAL - Com pouca idade, ela entrou de cabeça para trocar lacres ou tampas plásticas por uma cadeira de rodas a quem precisa



Com sorriso tímido, Heloísa garante que continuará guardando os lacres e, agora, também as tampinhas plásticas

Compartilhar:

Comprovando que nos pequenos gestos conseguimos grandes resultados, Heloísa Leite, de 11 anos, entregou ao Fundo Social de Solidariedade cinco garrafas pets repletas de lacres (três de 2 litros e duas de 500ml). Mesmo com pouca idade, ela entrou de cabeça na campanha que troca lacres de alumínio ou tampas plásticas por uma cadeira de rodas a quem precisa, pois entendeu que a simples mudança de hábito em sua rotina ajuda o próximo e até o meio ambiente.

Siga a Prefeitura de Itanhaém no Instagram, no Facebook e no Twitter

Confira as fotos

Em cada garrafa de 2 litros cabem cerca de 3 mil lacres. Desta forma, só na colaboração da jovem, o Fundo Social de Itanhaém arrecadou mais de 9 mil lacres. Por isso, a presidente do Fundo Social Daily Kubagawa Gomes agradeceu à pequena e explicou sobre o resultado da campanha: “já doamos três cadeiras de rodas e você contribuiu muito para buscarmos a quarta. Muito obrigada”. Para ela, o gesto de Heloísa pode ser inspiração para diversas crianças, já que guardar os lacres ou as tampinhas são ações simples e fáceis.

“Os lacres indo ao lixo é uma cena corriqueira na sociedade. E como as crianças estão sempre ligadas aos movimentos, elas podem evitar que ele vá ao lixo em diversas vezes. Assim como as tampas plásticas, que são mais comuns ainda”, destaca Daily. Além disso, o incentivo vindo de uma criança pode sensibilizar e mobilizar os pais e toda a família, além do círculo social do jovem.

Leia mais
Adote um novo hábito: guarde lacres de alumínio e tampinhas de plástico e ajude o próximo
Fruto da campanha “Olha esse lacre!”: Fundo Social doa cadeira de rodas à entidade

Acompanhando Heloísa, sua avó paterna, Martiniana Luz Leite, também é uma assídua colaboradora da campanha: “a Helô ajuda e nos incentiva à prática, mas o gesto é conjunto entre toda a família. Virou uma rotina. Em todas as festas e encontro familiares, reservamos um local para guardar os lacres”, explica Nininha, como é apelidada.

Com sorriso tímido, Heloísa garante a Daily que continuará guardando os lacres e, agora, também as tampinhas plásticas. “Muito obrigada pela colaboração. Espero que outras famílias também embarquem nessa importante campanha”, finaliza a presidente do Fundo Social.

 


Palavras-chave: , , , ,