Serviços



Publicado em: 23/03/2021 - Última modificação: 05/04/2021 - 11:51
comunicacao@itanhaem.sp.gov.br

Força Tarefa define ações de fiscalização do comércio e coibir aglomerações

OPERAÇÃO LOCKDOWN - Durante os próximos 13 dias os fiscais atuarão principalmente nos comércios e no final de semana, na realização de eventos e festas clandestinas que são realizadas nos bairros



Compartilhar:

A única forma de frear o avanço da contaminação pelo coronavírus é reduzir a circulação de pessoas na rua, dizem especialistas. Hoje o Secretário de Desenvolvimento Econômico, Rogélio Salceda realizou uma reunião com a participação dos fiscais do Comércio, da Vigilância Sanitária, da Secretaria de Trânsito e Segurança e da Guarda Civil Municipal, da Polícia Militar e da Secretaria de Comunicação Social, para que todos unam os esforços para o cumprimento do Decreto nº 4070, editado e publicado ontem (22).

Siga a Prefeitura de Itanhaém no Instagram, no Facebook, no Twitter, no Youtube e no Flickr

Já em vigor o novo decreto estabelece uma série de novas normas de funcionamento do comércio em geral e de circulação de pessoas na rua. As equipes realizam a partir de hoje (23), força tarefa de fiscalização para atingir o objetivo, que é diminuir a curva de contaminação e assim desafogar o sistema de saúde do município e da região, que beira o total colapso no número de internações na UTI e também da falta de insumos.

A Guarda Municipal tem atuado na faixa de areia das praias da cidade com cinco equipes orientando para que as pessoas respeitem este momento. Segundo o comandante da GCM, Antonio Carlos não é uma tarefa fácil, “abordamos as pessoas de forma a orientá-las, como temos uma extensão territorial muito grande, o trabalho é ininterrupto”, ressalta.

Durante os próximos 13 dias os fiscais atuarão principalmente nos comércios e no final de semana, na realização de eventos e festas clandestinas que são realizadas nos bairros.

Na sexta e no sábado, a partir das 19 horas e no domingo a partir das 11 horas, as equipes percorrerão pontos estratégicos que tem histórico de aglomeração e contarão com o apoio da Polícia Militar, para a dispersão e interromper festas e eventos não autorizadas.

O Decreto nº 4070, publicado em edição do Boletim Oficial ontem (22), foi elaborado em conjunto com os nove prefeitos da região da Baixada Santista que compõem o CONDESB, para brecar a evolução do coronavírus. “Esse lockdown tem que ser respeitado nesse momento. Sabemos das dificuldades do comércio, mas só dessa forma podemos obter resultado, como vimos em outras regiões e em outros países”, destaca Rogélio Salceda.

As medidas do decreto podem ser consultadas neste link. Consulte o Decreto na íntegra.