Serviços



Publicado em: 03/04/2019 - Última modificação: 16/11/2020 - 11:51
comunicacao@itanhaem.sp.gov.br

Vigilância Sanitária disponibiliza duas éguas para adoção; uma delas tem filhote

ATUALIZAÇÃO - Interessado deverá comparecer à Vigilância Sanitária de Itanhaém ou entrar em contato pelo telefone (13) 3427-6706



Uma delas deverá ser adotada com seu filhote, um potro ainda em fase de amamentação

Compartilhar:

A Prefeitura de Itanhaém, por meio da Vigilância Sanitária, comunica que duas éguas estão disponíveis no Rancho Rafael, em Peruíbe, para serem adotadas. Uma delas deverá ser adotada com seu filhote, um potro ainda em fase de amamentação. Com o início da ação de apreensão de animais abandonados de médio e grande porte, houve considerável redução de animais largados pela Cidade. Entretanto, nem todos são resgatados pelos donos após a apreensão.

Siga a Prefeitura de Itanhaém no Instagram, no Facebook e no Twitter

O interessado pela adoção deverá comparecer à Vigilância Sanitária de Itanhaém, na Rua Benedito Celestino, 17, na Vila São Paulo, ou entrar em contato pelo telefone (13) 3427-6706. O munícipe deverá apresentar documentos pessoais, como RG, CPF, além de comprovante do endereço da propriedade rural para onde os animais serão levados após a adoção, conforme previsto na Lei Municipal 4.188, de 16 de outubro de 2017.

Vale ressaltar que a retirada do animal fica sob responsabilidade do adotante e deve ser realizada em veículo apropriado. Os animais estão apreendidos pela empresa contratada no Rancho Rafael, em Peruíbe, situado na Avenida Hum, 195, na Vila Erminda, em Peruíbe. Quanto à adoção, o interessado deverá se comprometer em cuidar bem dos animais, mantê-los em área rural, fornecer abrigo, pasto adequado e não utilizá-los em trabalho árduo ou fazê-los procriar para fins econômicos.

Leia mais
Perdeu? Achou? Leve mais amor para dentro de casa, adote um animal
Jundu: vegetação de aspecto frágil, mas de uma força imensa

 SERVIÇO

A empresa contratada é responsável pela apreensão, transporte, amparo e guarda dos animais até que haja destinação, com instalações e atendimentos adequados para cada espécie, fornecendo alimentação, avaliação veterinária, medicamentos e insumos necessários. As apreensões acontecem por meio de denúncias e solicitação de munícipes pelos telefones (13) 3458-2730 e (13) 99707-1190, disponíveis de segunda a domingo.


Palavras-chave: , , , ,